Simone Tebet já gastou R$ 345,6 mil em mensagens pelo Facebook, só em 2022

0

Aposta da terceira via para à Presidência, Senadora de MS gastou o dinheiro em mensagens para usuários das redes sociais, de acordo com dados da Empresa

 

Pré-candidata à Presidência da República, a senadora Simone Tebet (MDB-MS) é a política que mais gastou com anúncios na plataforma Meta, que controla os aplicativos Facebook e o Instagram. De acordo com dados da empresa, nos últimos 90 dias, foram desembolsados R$ 345,6 mil em mensagens para usuários das redes sociais. Os anúncios são pagos pelo MDB.

A seis meses da eleição, Simone Tebet é a primeira postulante ao Palácio do Planalto a pagar diretamente o impulsionamento de conteúdo para promover seu nome. Procurados, o MDB e a pré-candidata não se pronunciaram.

No mesmo período, o PT pagou, em anúncios na plataforma, R$ 92,9 mil. Alguns deles mostram a situação do País nos anos em que a legenda esteve no poder; em outros, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, pré-candidato ao Planalto, discute questões variadas, como temas ligados à economia. O PT também não quis comentar.

Pesquisador do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Democracia Digital (INCT.DD) da Universidade Federal da Bahia (UFBA), Rodrigo Carreiro destacou a importância do uso das redes em ano eleitoral.

“Embora o Facebook não seja a rede do momento, ainda preserva uma base de usuários bem consolidada que será importante em qualquer plano de comunicação digital nesta campanha”, disse Carreiro, que é diretor do Aláfia Lab. “As campanhas já conhecem mais profundamente as plataformas e suas possibilidades de segmentação.”

Pelo menos seis anúncios de Tebet geraram mais de 1 milhão de “impressões” – número de vezes que um anúncio é visto em uma tela – entre usuários da plataforma Meta. Fome, miséria, desemprego e a alta de preços de alimentos estão entre os temas mais explorados pela emedebista. No PT, quatro anúncios alcançaram mais de 1 milhão de impressões.

Estadão Conteúdo

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here