Polícia Civil usa drone para prender condenado a 9 anos de prisão por abuso sexual

0

Corumbá (MS): Na tarde desta quarta-feira (11), em atuação conjunta dos Setores de Investigação Geral das Delegacias da 1ª DP de Corumbá e de Ladário, foram feitas diligências para realizar o cumprimento do mandado de prisão expedido em desfavor de um homem de 59 anos, que foi detido no Bairro Nova Corumbá, em Corumbá. O indivíduo foi condenado a 9 anos de prisão por ter praticado o crime de atentado violento ao pudor contra a própria neta, à época com 6 anos de idade. A sentença transitou em julgado (sem chance de recurso) em 1º de junho de 2021, considerando-se foragido a partir de então.

Durante as diligências, foi utilizada uma aeronave remotamente pilotada (drone) da Polícia Civil para mapear a área e monitorar o local, auxiliando efetivamente no cumprimento da prisão.

Importante registrar que o drone sobrevoou o espaço aéreo mediante solicitação e autorização via SARPAS, órgão controlado pelo Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA), mediante aprovação do VOO #7F0332, em consonância com a legislação vigente

O preso foi recambiado para a custódia do Exército, por se tratar de militar da reserva, onde ficará à disposição da Justiça. A população poderá realizar denúncias na Polícia Civil de Ladário via aplicativo WhatsApp pelo número 67 99668-1679. O sigilo da identidade e do número telefônico serão mantidos.

Publicado por: Carlos Eduardo Rodrigues Orácio

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here