POLICIAL: Procurados internacionais são deportados dos EUA e presos em Confins/MG

0

Os irmãos condenados por roubo e latrocínio haviam fugido para os Estados Unidos

Comunicação Social

Superintendência Regional em Minas Gerais

 

Belo Horizonte/MG. A Polícia Federal, por meio da Representação Regional da Interpol em Minas Gerais, prendeu nesta sexta-feira, 22/7, dois irmãos brasileiros condenados por oubo e latrocínio. Eles eram procurados internacionalmente.

Os presos, foragidos da justiça mineira, foram detidos em solo norte-americano pela ICE, U.S. Immigration and Customs Enforcement, a autoridade de Imigração dos EUA, em cumprimento aos mandados de busca internacional da Interpol e por estarem em desacordo com as normas migratórias daquele país.

As Difusões Vermelhas foram publicadas em agosto de 2020 pela Representação Regional da Interpol em Minas Gerais, a pedido do Juízo da Vara Criminal da Comarca de Mantena/MG, com base em mandado de prisão expedido pelo mesmo juízo em decorrência da condenação a pena de reclusão de 36 anos a um e de mais de 6 anos ao outro pelos crimes por eles praticados.

A dupla cometeu vários roubos utilizando uma motocicleta e arma de fogo. Em uma das ações dos irmãos, eles mataram um adolescente para roubar um aparelho celular.

Os foragidos, atualmente com 32 e 28 anos, deixaram o Brasil em julho de 2017 para rumo aos Estados Unidos. Após investigação realizada pela RR/Interpol/MG e contatos feitos com a ICE, foi possível localizar e prender os foragidos.

Houve também a prisão de outro brasileiro de 32 anos, vindo no mesmo voo com deportados, em cumprimento a um Mandado de Prisão expedido pela 2ª Vara Criminal da Comarca de Mantena/MG, por crime de roubo.

Ao chegarem em território brasileiro, os três foram presos e, após submetidos ao exame de corpo de delito, conduzidos para Penitenciária Nelson Hungria, onde ficarão à disposição da Justiça.

Edição: Pedro Lopes

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here