No mês passado, o presidente russo, Vladimir Putin, anunciou que o país aceitaria apenas o pagamento de gás russo em sua moeda nacional

A suspensão do fornecimento de gás russo para Bulgária e Polônia, pelo não pagamento em rublos como exigia o governo russo, é consequência de atos hostis contra a Rússia, afirmou o Kremlin.

“As condições estabelecidas são parte de um novo método de pagamento elaborado após ações inamistosas sem precedentes”, declarou o porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov.

O porta-voz disse que a Rússia teve que elaborar um novo método de pagamento após o “roubo” de uma “parte significativa” das reservas russas, em referência ao congelamento das reservas de divisas estrangeiras que a Rússia tem no exterior.

“Não é uma chantagem”, acrescentou Peskov, em resposta às acusações neste sentido da presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen.

No mês passado, o presidente russo, Vladimir Putin, anunciou que o país aceitaria apenas o pagamento de gás russo em sua moeda nacional, em resposta às sanções adotadas devido à campanha militar do Kremlin na Ucrânia.

© Agence France-Presse

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here