-Secretário de Saúde, Marcelo Rosa, desmente boatos divulgados em redes sociais de que existiria um caso confirmado da doença no município-

Roney Minella – Departamento Municipal de Comunicação (Itaquiraí – MS)

O Governo de Itaquiraí realizou há pouco uma reunião extraordinária na Prefeitura de Itaquiraí, da qual participaram os secretários municipais, Marcelo Rosa (Saúde), José Belo (Finanças), Dr. Júlio Sanches Nunes (Jurídico), Valdirene Salomão (Educação), Ivanir Vieira (Agricultura), Jairo Donin (Controladoria Geral), Felipe Kopper (Desenvolvimento Econômico), Luiz Carlos de Souza (Meio Ambiente), Carlos Loro (Obras), Eurico Ribeiro (Gabinete), Virgínia Cardoso (Assistência Social), vice-prefeito Mano Severo e Prefeito Ricardo Fávaro Neto. Da reunião também participam diretores de departamentos.

O assunto central foi as providências a serem tomadas pelo Executivo Municipal no sentido de evitar o registro do coronavirus em Itaquiraí. “Por enquanto, não existe nenhum caso em nosso município”, sustenta o secretário Marcelo Rosa. “Mas, nossa preocupação é enorme, porque nós e o SUS ainda estamos organizando o enfrentamento à doença. Neste contexto, precisamos definir as ações e atitudes que serão adotadas por todas as secretarias e órgãos do município”, alerta o secretário.

Prefeito Ricardo Fávaro e secretários municipais discutem ações de prevenção ao coronavírus. Foto: Roney Minella

O prefeito Ricardo imediatamente determinou os estudos necessários e imediato encaminhamento de providências para combater o registro do coronavirus, inclusive, a elaboração de um decreto com validade de 30 dias. “Vamos regulamentar as providências e ações a serem tomadas a partir de agora, em consonância com determinações do Ministério da Saúde, Secretaria de Estado de Saúde, tudo isso dentro da realidade do município”, aponta o prefeito Ricardo Fávaro.

SUSPENSÃO DAS AULAS

Um dos assuntos na pauta da reunião foi a necessidade da suspensão das aulas da rede municipal de ensino. “A determinação é para se evitar a aglomeração de pessoas, temporariamente, enquanto o coronavirus está em circulação, justamente para evitar contraí-lo. Por isso, é importante acatar esta providência que está ocorrendo não só no estado, mas, no país e fora dele”, analisou a secretária Valdirene Salomão ao justificar sua defesa.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here